terça-feira, 26 de junho de 2007

Despertares e despertadores



Nunca gostei de acordar com despertadores (refiro-me àqueles tipo campainha). Acho que aquele ruído irritante que me interrompia inexoravelmente o sono me causou traumas. Por isso decidi que o meu cérebro merecia despertar com algo mais inspirador e bani estes objectos do meu quotidiano. Simultaneamente, o meu organismo desencadeou um mecanismo automático de despertar quase sempre coincidente com a hora exacta a que o pretendo fazer. Perfeito!

No entanto, por via das dúvidas programo sempre o rádio para tocar porque, não sendo este o principal motivo por que acordo, as músicas e a energia que quem trabalha na rádio já tem às 7h30m da manhã, são o necessário para a minha adrenalina ficar invejosa e ganhar a lábia suficiente para me convencer a levantar. Estratégia excelente sabendo de antemão que o desapego à cama é sempre um momento muito difícil e que requer muita coragem.

Mas o que eu gosto mesmo é de acordar com a Natureza, com a entrada dos primeiros raios de Sol e com o cantar dos passarinhos. A acumular a isto tenho sempre o meu gato que ao perceber que estou na fase de despertar entra em conluio com a Natureza e numa sinfonia, confesso que nem sempre harmoniosa, inicia o seu peditório por comida, e digo-vos que se há gato com capacidade de persuasão, é o meu.

Não sei se é por saber que aprecio estas coisas da Natureza que tenho agora uma amiga andorinha que se encheu de amizades com o meu parapeito da janela e resolveu oferecer-me pela madrugada (mas bem madrugada ainda) umas belas serenatas. Gosto imenso desta proximidade e deste despertador natural e personalizado mas apenas gostaria que ela não fosse tão madrugadora. É verdade que não se pode ter tudo mas será que a convenço a atrasar um pouco o início da sua cantoria? Secalhar vou tomar de empréstimo o poder de persuasão do meu gato, sempre pode ser que resulte.

13 comentários:

Mary disse...

Olá!
Falando em despertar eu costumo usar o telelé e é ele que me acorda sempre. Masmo morando à beira da estrada nacional onde passam sempre muitos carros e camiões não há nenhum que me acorde... dendito soninho!
Bjs

Tiquinha disse...

eu agora venho com o meu despertador interno em off... férias é o que dá... também sou acordada por pasaros, neste caso um Galo que me acorda a horas indecentes..... nã te sabia dona de um felino, o meu em termos de despertador não é lá grande coisa, tenho que ser eu a expulsa-lo da cama quando a quro fazer....
boa sorte com o passarito e o gato!!
beijocas
tica

Angie disse...

O meu gato também me desperta, mas em vez de comida quer mimos!!;)
Eu também sou menina que adora acordar com o canto dos passarinhos e há algumas semanas deixo a pressiana um bocadinho aberta!
Não há melhor que acordar e ver de imediato os raios de sol e ao abrir por completo a janela ouvir o cantar dos passarinhos!!
Lindo!

Beijinhos e boa sorte com a andorinha!

IC disse...

Cuidado com a proximidade do gato com a andorinha, se o teu felino for com a canina que lá tenho, lá se vai o tenor!
Eu acordo sempre com o telemóvel, os galos e os pássaros não me fazem acordar!
Beijinhos

Anna72 disse...

Afinal não sou só eu! :) Detesto despertadores ruidosos e que façam Tic Tac. Tiram-me do sério!

Tal como tu, tenho uns hóspedes (pardais de telhado) que nos brindam todos os dias com uma alvorada de chilreios, mas estes são pouco madrugadores... é a minha sorte :)

Beijocas

stardust disse...

Eu, enfim, dorminhoca convicta, neste momento tenho 2 despertadores infalíveis lá em casa, o que acontece é que eles não têm noção das conveniências (se é que me entendes), e tanto despertam ás 2 da manhã, como ás 3, como ás 4... Pior... Despertam ás 2 ás 3 ás 4, etc. E ás 6h, 6h30, estão com o gás todo e querem conversa e brincadeira, bem com tudo isto, o despertador lá em casa tirou férias né.

Beijocas

J&J disse...

Venham de lá esses despertares musicais ou naturais!!

Qd tava a estudar, a minha colega de quarto tinha um dakeles antigos, tipo campaínha e o raio da moça nem com aquilo acordava! Lá tinha eu d m levantar, desligar aquilo e acordá-la... ali eu é k era o despertador! E embora eu n apitasse, bem k berrava com ela! :))

agora tb só mm com musica ou com a boa disposição da comercial, logo d manhãzinha!

Beijinho grande

Susana Pina disse...

Também me irritam aqueles despertadores de campainha.
Opto pelo rádio, se bem que também nem seja preciso ele despertar, pois tu tens um gatito a acordar-te porque quer comida e eu tenho uma cadela que quer ir à rua, parece que têm um relógio.
Beijoquinhas
Susana

LEXIA disse...

Se tu soubesses como eu acordo...com o telemovel a tocar a musica do George of the Jungle....tou mesmo a ver que te matava!!!!! mas sim concordo se tivesse sistema on interno adorava acordar com os passarinhos mas...é mas motas e carros

beijos a despertar suavemente

YAMI disse...

Ola linda

As tuas palavras poe-me calma..
Hoe estou muito stressada - cansada, dormi pouco e por isso irritada..

Obrigado por me fazeres pensar

yami

Maganita disse...

Adorava conseguir acordar sem despertador! Por vezes estou tão ferrada que tem de ser o gaijo a acordar-me... Mas infelizmente, na maior parte dos dias sou eu que acordo os galos cá do sítio...Mas no fim de semana, sim, deixo-me acordar por esta pardalada que por aqui anda...e se eles cantam!! As rolas então nem se fala.
Eis as vantagens e desvantagens de se viver na provincia: demora-se muito tempo a chegar à civilização de manhã, mas em compensação a civilização também não chateia no fim de semana e deixa a passarada fazer a festa!

Beijinhos, miga!
(estou de regresso à normalidade e comprei um bilhete só de ida para a rabugice dos últimos dias)

Pi disse...

Deve ser tão bom acordar ao som de uma andorinha!
Tens é que lhe regular o horário :-)

Eu tenho aproveitado para dormir tudo agora, porque daqui a uns tempos vou ter que despertar obrigatoriamente e com despertadores impossíveis de regular....

Bjs

Anónimo disse...

Olá
Quero felicitar-te pela tua escrita, ternurenta, deliciosamente simples...
Também eu gosto de acordar com a Natureza: ir acordando à medida q amanhece e com o canto dos pássaros. E enqto fui solteira era ssim q acontecia pois dormia com os estores semi-abertos... mas desde q casei tudo mudou: o homem tem de dormir com tudo às escuras, nem uma luzinha... e dps põe um estupor de um despertador q parece aquelas buzinas dos estádios de futebol q me deixam com taquicardia e tonta. Sempre tenho o gato q vem dar torrinhas e ronronar para acalmar os meus nervos...

Bjs e continua a escrever assim

Céu