sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Outro lado de mim

O meu entusiasmo esquivo, de comportamento arredio, começa a dar passagem a alguns desejos, a algumas vontades.

Parte de mim desapareceu mas uma nova parte aflora a cada momento.
Sou agora outro lado de mim.

6 comentários:

stardust disse...

Um lado sempre aromático!

Beijocas

Bunny disse...

Há muito que não passava no teu cantinho, e fiquei triste ao ler-te.
Aceita este abraço bem apertado e cheinho de amor.
Quando Deus fecha uma porta, abre algures uma janela.
Muitas alegrias estao À tua espera, estou certa disso!
Um beijinho
Rita

soniaq disse...

Sempre que a dor nos faz crescer à força, tudo o que até aqui olhávamos, conhecíamos, agora tem nova perspectiva, cheiro e passamos a conviver com um novo ser, nós.
Bom fim-de-semana e boas descobertas. Beijinhos querida.

:) disse...

Força, minha querida.

A vida prega-nos rasteiras mas nós temos sempre de voltar a erguer-nos! Temos de ser mais teimosos que ela :)

A tão "na moda" resilência é mesmo isso - a nossa capacidade de ultrapassarmos tudo o que nos traumatiza... a capacidade de construção humana no meio do caos.

Força, amiga! E beijinhos grande. Não sei o que sentes... mas sinto-o contigo.

TC disse...

Todas as amoras (pessoas) têm "o outro lado", que nem sempre é consciente ou teve necessidade de se mostrar e entrar em cena.
Que este teu "outro lado" te traga serenidade e paz interior!

Susana Pina disse...

Amiguinha, força, tu vais conseguir erguer-te destes momentos terríveis na tua vida.
Um bj muitoooo grande
susana