segunda-feira, 30 de julho de 2007

Neste momento...

Há pessoas que riem de alegria e há pessoas que choram de tristeza,
Há pessoas que nascem, há pessoas que morrem
Há quem veja o Sol a pôr-se, há quem assista ao seu nascer

Há beijos de amor e há beijos de falsidade
Há palavras doces e há lágrimas salgadas
Há pessoas que adormecem e há pessoas que despertam,
Há aqueles que gritam e há aqueles que se lamentam

Há aqueles que se resignam perante a dificuldade e há aqueles que lutam perante o impossível,
Há aqueles que brincam e há aqueles que destroem
Há os que trabalham e há os que estão de férias,
Há os que lêem o que os outros escrevem e há os que escrevem para os outros lerem,

Há quem ouça música e há quem a toque
Há os que ensinam depois de terem aprendido e há os que aprendem para depois ensinar
Há quem olhe e não veja e há quem veja mesmo sem olhar

Há quem goste de si e dos outros,
há quem goste só dos outros, há quem goste só de si
Há quem simplesmente não goste

Há os que amam e há os que odeiam
Há quem faça guerra e há quem construa a paz
Há quem plante flores e há quem incendeie florestas

Há quem se case e prometa amor eterno, há quem não acredite em promessas

Há quem ouça e há quem escute,
Há quem espalhe aromas e há quem os colhe

6 comentários:

IC disse...

amiga eu sou daqulas que acolhe os aromas que escreves.Lindo texto!
beijinhos

Micas disse...

Lindo Momento! :-)

Beijinhos,
Inês

Anna72 disse...

:) E os aromas que nos deixas são deliciosos!

Beijocas

Mary disse...

Olá!
Podes ainda não ter ido de férias mas lá que continuas inspirada, disso não há dúvida.
Bjs

Maganita disse...

Um texto muito bonito.
Adorei!

Beijinhos

Susana Pina disse...

Lindoooooooo, e verdadeiro.
Amiguinha, obrigada pelo teu carinho, e pelas palavras no meu blog.
Estás sempre presente e eu não me vou esquecer disso.
Um bj grande para ti
susana